terça-feira, junho 17, 2008

Até um dia

Desde Setembro de 2006 até hoje, este esconderijo público publicou 762 postais em 627 dias, numa média diária superior a 1,21. Já conta com mais de 20.000 vistas. A todos agradeço, penhoradamente, a pachorra de o ler e a graça, simpatia, de o comentar. Neste momento, o Escaninho está a precisar de umas férias por tempo indeterminado. Não gosto de pôr fim às coisas, para isso, basta a morte, a única inevitável. Sei que esta privação me vai ser penosa, tamanho é o "vício" em que blogar se tornou. Todavia, estou igualmente ciente de que a minha mente, que tanto procuro preservar, vai concerteza agradecer a procura de outros (en)cantos. Em resumo, o estado do blog fica suspenso. Até um dia.

8 comentários:

Vigoras disse...

Se não te ler.... que te encontre pela praça!

A gente vai-se vendo e falando...

Volta em breve!

Lígia disse...

Que este esconderijo público não se esconda por muito tempo.
É muito bom! rb sempre estiveste muito actual, informado, pertinente, com enorme bom gosto musical (sou completamente parcial nesta observação!), devoto aos seus leitores, simpático, atrevidote, respeitoso, com bastante sentido de humor,...
Enfim, com certeza que os restantes leitores deste blog têm (e venham) a acrescentar muito mais ao que até aqui foi dito.
O escaninho tornou-se para mim um gesto diário e que agora, por agora, vai terminar. Pelo menos por aqui...
Tu dizes até um dia e eu digo-te, até já. Até lá, BJS

Sandra Leite disse...

RB....

Daqui fiquei triste :(
Você tem tremendo bom gosto e tem arte em sua veia. Me sinto bem mexendo seu esconderijo público e redescobrindo o que a arte é!
Arte é isso, RB, e fazes muito bem.
Dói ler "até um dia", mesmo sendo esse dia logo ali.

Veja bem, o Isso é Bossa Nova faz aniversário, 1 ano, dia 24 de junho. Quero te ver lá tá??? Uma cervejinha por lá...

bom descanso ...até já!

bjs

ofthewood disse...

É já um hábito diário passar por este esconderijo público. O teu espaço, RB, vai fazer falta. Pela qualidade dos textos e, sobretudo, pelo bom gosto que imprimes aos temas que tratas. Vê lá se reconsideras a decisão.
Um abraço e até já!

rui guerra disse...

A longevidade é dura. Manter um projecto pessoal diário, de comunicação com outros, sem vermos os seus rostos, nem as reacções provocadas, é doloroso. Passar dias a colocar posts, sem obter qualquer feed-back - um piscar de olhos que fosse, torna-se penoso. Sem querer, entra-se numa rotina provinciana. Sucedem-se dias, semanas ou meses, em que nada de novo acontece. Um som, uma imagem, um poema, um apontamento, uma pequena prosa poderiam suscitar a desejada revolução emocional, a projecção para patamares diferentes da exposição pessoal.
Há 618 dias te acompanho quase diariamente. Retive do primeiro post, o percurso deste teu esconderijo público.
Um abraço, Rui Guerra

rb disse...

Meus Caros Amigos,

Prometo responder-vos mais tarde, aliás, como sempre gostei de fazer, mas com mais tempo, mais vontade e mais inspiração. Para agora, trabalhar é preciso ...

;)
;)
;)
;)
;)

rb disse...

Então, como prometido, ( e a ver se esqueço a maldita derrota portuguesa) vamos a isto:

Vigoras,
Espero encontrar-te por lá, na praça do costume.
Por aqui, hei-de voltar, hei-de voltar, um dia. Espero que revigorado. Como dizia o outro: não vou estar por aqui, mas vou andar por aí. Já não vejo meio de sair desta esfera.
Um abraço

Lígia,
Atrevidote??!! Eu??!!
“(sou completamente parcial nesta observação!)”
O “nesta” está a mais, claramente. Os teus adjectivos são muito agradáveis mas um tanto ou quanto imerecidos. Sou mais um.
“escaninho tornou-se para mim um gesto diário”
Pois, para mim também, o problema é que, algum dia, precisava de descanso.
Beijinhos.

Sandra Leite,

Eu espero continuar um dia, quem sabe, quando as folhas do Outono voltarem a cair, mas sem compromisso, agora quero parar um pouco. Por cansaço e alguma desmotivação, arrastada.
Mas não vou deixar a Bossa Nova, não! Nunca! É isso, é! Dia 24, tou lá tomando uma bem geladinha. O IéB é poiso obrigatório.
Beijinhos.

Ofthewood

Agradeço a tua atenção e a simpatia das tuas palavras. Conto com as tuas Horas Extraordinárias.
Até mais,
Um abraço

Rui Guerra,

Para mim, o mais doloroso, é apenas o projecto pessoal diário ou, melhor, quase diário.
A questão do feed-back não me dói particularmente, mas é claro que é incentivante. Não tanto pelas piscadelas de olho, mas pelo comentário que dá algum acrescento e pela forma como nos permite conhecer-mo-nos nesta esfera. Para isso que serve este espaço. Há gente que não quer comentários destes e alimenta o blog tão bem como os outros.
Um blog pode servir para tantas coisas. Este Escaninho vejo-o como um repositório de géneros variados de textos, imagens, vídeos, opiniões, sensações, prazeres, manias, etc. Faço-o de forma despretensiosa, pois, sou um mero diletante desta arte singular. Tento ser brioso.
Agradeço a tua atenção e espero continuar a ler e a provar a tua argúcia de espírito. E a ver-te, claro está.

Um abraço

Sandra Leite disse...

RB,

sentirei falta desse carinho que vc imprimiu ao Escaninho. Sou dependente daqui. Quero estar aqui.
Mas por enquanto - e somente por enquanto - descansa, guerreiro :)

bjs